Warning: include(/var/chroot/home/content/74/9643274/html/alebeu/press.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in /home/content/74/9643274/html/wp-settings.php on line 228

Warning: include() [function.include]: Failed opening '/var/chroot/home/content/74/9643274/html/alebeu/press.php' for inclusion (include_path='.:/usr/local/php5_3/lib/php') in /home/content/74/9643274/html/wp-settings.php on line 228
Roma e o maior teatro do mundo

Roma e o maior teatro do mundo

Ou deveríamos chamar de circo? O novato ficou em dúvida sobre qual palavra usar para o título de hoje, mas desde que o nome oficial do Coliseu é Anfiteatro Flavio… Bem, esse foi o nosso programa de hoje, incluindo todo o complexo que corresponde a antiga Roma, bem no coração da moderna Roma.

O Coliseu (também chamado de Palatino) e o Foro Romano são parte de um grande complexo cultural cravado bem no coração da cidade. É curioso que muita gente, assim como eu até dois dias atrás, tem uma boa idéia do que é o Coliseu, mas não sabe que nos seus arredores há um vasto conjunto de ruínas e antigas construções correspondentes à Roma Antiga. O próprio local é um sítio arqueológico, por isso a visitação a algumas ruínas é restrita. Ainda assim, é possível ver e mesmo tocar algumas delas, ao passo que as construções que se encontram em bom estado, como a Casa di Augusto, são tranformadas em museus, onde são expostos as descobertas arqueológicas das próprias ruínas. Tem até uma indicação de onde ficaria a cabana que teria nascido Rômulo. Durante a visita, fica-se sabendo que os primeiros vestígios de povoação em Roma datam do século VII AC, o que significa que o negócio é velho pra caramba.

Visão parcial do Foro Romano

A caminhada pelo Foro Romano é longa, cansativa (devido as ladeiras e ao forte sol), mas vale a pena. A gente consegue ter uma idéia muito boa de como era a cidade na idade antiga, desde as casas até as construções mais sofisticadas. E o termo sofisticado é muito apropriado aqui, pois a técnica de construção usada impressiona, mesmo para os dias de hoje. É possível distinguir diferentes camadas de ruínas, algumas mais antigas em um extrato inferior, e outras mais modernas, construídas ou restauradas sobre os encombros de outras construções. Em vários pontos, cartazes tentam indicar o que havia ali no passado, alguns até apresentando desenhos sobre uma possível configuração das ruínas, com base nos achados arqueológicos. Há indicações de ruínas dos antigos palácios dos Césares e dos templos dedicados aos deuses, algumas com forte influência grega em suas linhas. Foram 5 horas de caminhada para percorrer todo o Foro Romano, incluindo os museus, mas tudo que se vê impressiona bastante, com certeza é um passeio que eu faria de novo (desde que não fosse hoje!).

Visão interna do Coliseu

Deixei o Coliseu para a parte da tarde. Já era quase 3 horas quando segui pra lá, e não me arrependi, pois realmente a luz estava bem mais adequada para fotos. O Coliseu é a maior arena de festivais da antiguidade, que se tem relato. E de fato, seu tamanho impressiona. Era o famoso circo romano, local que abrigava os espetáculos para divertir as massas e garantir parte do famoso refrão dos governantes: “pão e circo”. E era um circo de horrores, por se dizer. Espetáculos de extrema violência, envolvendo lutas sangrentas e execuções. Nos corredores do Coliseu estão expostos objetos removidos dos sitios arqueológicos, entre eles carcaças de animais, armas e utensílios diversos identificando que o povo que assistia aos espetáculos pertencia a todas as camadas sociais da antiga Roma. Internamente, o Coliseu se aparenta muito com um estadio de futebol, mas arena hoje exibe as galerias subterrâneas de outrora. Enfim, é um local fantástico de se visitar e conhecer.

Muito cansado da caminhada, do sol e das filas, voltei para o hostel e estou encerrando Roma. Posso dizer que Roma, embora não tenha sido necessariamente meu estilo de passeio, é uma parada obrigatória na Europa, ou seja, visite-a ao menos uma vez na vida. Amanhã, um novo destino italiano espera pelo novato!